Traduzir para:

Notícias | SOGESP

28 de Maio - Dia Nacional de Redução da Mortalidade Materna

 

 
Graças ao trabalho dedicado de médicos especialistas, das equipes multidisciplinares, de certos gestores e até de uma conscientização maior da sociedade, a mortalidade materna vem caindo no Brasil. Porém, estamos longe de poder comemorar com um enorme sorriso nos olhos.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, o País tem em média 62 mortes maternas para cada 100 mil nascidos vivos. São números que ficam bem acima da meta da ONU para 2015, que previa a redução de 35 para cada 100 mil nascidos vivos. E mais longe ainda do limite tido como aceitável pela OMS, de 20 óbitos para cada 100 mil nascidos vivos.

A SOGESP compreende que este é um desafio a ser vencido a cada dia. Com este objetivo, acaba de lançar um vídeo que será distribuído a todos os ginecologistas/obstetras associados e também para os cidadãos, com informações simples sobre o problema, suas principais causas (pressão alta, hemorragia e infecções) e como colaborar para a redução da mortalidade materna.

Também promoverá um Curso Teórico-Prático de Emergências Obstétricas, fundamental para o desenvolvimento científico continuado, abrangendo a classificação de risco, o sequenciamento do atendimento à hemorragia Puerperal, diagnóstico e tratamento às urgências hipertensivas e o manejo de infecção puerperal grave. A iniciativa é de relevância ímpar, considerando que o Estado de São Paulo registra 47 mortes a cada 100 mil nascidos vivos.

Assista aqui o vídeo: