Traduzir para:

Notícias | SOGESP

Falta pouco para o Congresso SOGESP 2017

 

Com enfoque cada vez mais inovador em tecnologia e ensino prático, o Congresso SOGESP, que acontece de 24 a 26 de agosto, no Transamerica Expo Center, em São Paulo, vem cheio de novidades. Em 2016, o evento principal do calendário científico da Associação reuniu 7.594 congressistas. Nesta edição, a expectativa é atingir um público de 8.000 médicos e profissionais da saúde.

Em 12 salas simultâneas, estão programados 12 cursos pré-congresso, 24 debates informais, 02 fóruns, 18 sessões interativas, 14 Recomendações SOGESP e 70 Top Temas, entre eles aleitamento materno, assistência pré-natal e ao parto, diabetes gestacional, medicina fetal, near miss e morte materna, ginecologia endócrina, cirurgia ginecológica, uroginecologia, climatério, planejamento familiar e anticoncepção, e sexualidade. Os participantes terão acesso a um conteúdo de excelência voltado à educação médica continuada.

Mais cursos práticos

Na tarde do dia 24, manhã e tarde do dia 25 e na manhã do dia 26, em um mezanino disposto nas proximidades das salas de conferências, acontecerão os cursos práticos em ginecologia e obstetrícia. “De conceito semelhante da Escola Superior de Obstetrícia e Ginecologia, a ESGO, os cursos são excelentes oportunidades de apresentar novas tecnologias, gerar conhecimento e rever situações importantes nas duas áreas”, explica Rodrigo de Aquino Castro, coordenador dos cursos práticos de ginecologia e do ESGO.

A experiência pioneira em 2016 se expandiu neste ano. Rossana Pulcineli Vieira Francisco, coordenadora de Obstetrícia da SOGESP, destaca a excelente aceitação das aulas no ano anterior e, com isso, houve um consequente aumento da demanda por vagas. “Para esta edição, ajustamos as estações de modo a atender as situações mais frequentes e mais graves na sala de parto, como hemorragia pós-parto”, comenta.

Serão quatro estações para ginecologia e cinco para obstetrícia, com duração de 4h por módulo. Em cada sala, terão de 15 a 20 médicos participando da aula. A cada 55 minutos (ginecologia) e 45 minutos (obstetrícia), haverá um revezamento dos participantes para outras estações correlatas.
“A ideia é somar até 640 médicos treinados nos dois dias de curso. A expectativa é oferecer um treinamento de qualidade baseado no que há de mais moderno nas duas áreas”, afirma Paulo Giraldo, presidente da SOGESP.
 
CPG – Curso Prático de Ginecologia: Novas Tecnologias

Por meio de simulações, temas como utilização de laser em patologia no trato genital inferior, introdução à laparascopia, aspectos práticos da rotura perineal e cirurgia de alta frequência (CAF) em ginecologia serão abordados neste módulo.
“Usaremos a tecnologia para simular situações de consultório e cirúrgicas, de modo a contribuir com a educação médica continuada. No caso do laser, aplicamos em tomates. Para cirurgia por vídeo, ilustramos com outros alimentos para facilitar o aprendizado e assim por diante”, destaca Aquino.
 
CPO: Curso Prático de Obstetrícia: Assistência ao Parto

Com o uso de bonecos simuladores, serão abordados os seguintes tópicos: vitalidade fetal intraparto, hemorragia puerperal, distocia de ombro, parto pélvico e versão cefálica externa e vácuo-extrator e fórceps.
“Sem perder o foco na melhoria da assistência obstétrica, traremos situações recorrentes nos centros obstétricos, o mais próximo de sua realidade. É uma excelente oportunidade de treinamento e esclarecimento de dúvidas com os professores”, completa Rossana.
 
Produção científica nos Temas Livres

Mais uma vez, houve um alto número de trabalhos enviados: 482 temas livres, com 407 aprovações. “Esta é mais uma prova do comprometimento da SOGESP com a produção científica em nossa especialidade”, enfatiza Giraldo, Luis Otávio Sarian e Alessandra Marcolin.

Os estudos aprovados estarão dispostos em totens eletrônicos no decorrer do evento e seus autores farão apresentação oral de seus trabalhos em sessão específica do Congresso. Serão selecionados cinco de cada área, que receberão premiação em dinheiro, além das categorias Iniciação Científica e Relato de Caso, com menção honrosa.
 
Estrutura organizada

Em uma área de exposição com mais de 10.000m², o espaço está cada vez mais organizado para evitar tumultos e filas. “Temos a constante preocupação em aprimorar o fluxo interno e garantir aos congressistas uma apreciação tranquila das aulas e da área de exposição”, diz Newton Busso.

Para facilitar a participação e interação no Congresso, a SOGESP disponibiliza a já tradicional Agenda Personalizada do Congressista (APC), que permite selecionar com antecedência as aulas de seu maior interesse. Deste modo, o tocoginecologista garante sua vaga e tem maior facilidade para controlae sua programação, com autonomia para circular por todo o espaço do Congresso.